segunda-feira, 24 de maio de 2010

TRISTEZA

TRISTEZA

Perdoem a minha tristeza
Essas lágrimas amargas
Nesses olhos já sem beleza
Perdoem por ser infeliz

Como costumam dizer a mim
Eu mesma , enfim, a mim o fiz
Perdoem não é por querer!

penas por ter perdido
A razão de viver!