quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

ACRÓSTICO




Minha amiga, companheira
Instantes de grande ternura
Uma dedicação sem limites
Como só os cães sabem doar
Há de estar numa estrela azul
A espera de um dia me reencontrar